Porto em 24 h ou 48 h, sitios a não perder. Uma cidade de grande encanto com um centro histórico preservado, um sítio Património Mundial.

Porto, a capital do norte de Portugal, é uma pérola de granito colocada sobre um rio dourado. Por ocasião do seu 25º aniversário como património cultural da Unesco, redescobrimos o centro histórico.

Celebrando La Francophonie! Uma versão online, mas com muitos eventos a não perder para partilhar uma língua e uma cultura que fazem a ligação entre povos.

Camélias

Barcelos é um galo. Varios galos. Mas muito mais do que isso: o encanto de uma cidade medieval, uma das feiras mais importantes do norte do país, um apego às artes populares e um agudo sentido de hospitalidade

A arte figurativa de Barcelos é uma das mais famosas em Portugal. Espantosa, ingénua, engraçada e comovente, a tradição dos “bonecos” continua.

Identidade territorial

Identidade territorial imaginário. Uma exposição no Museu MIMO de Leiria para descobrir os territórios do centro-oeste

O festival de Almada 2020 terá lugar. Acabaram-se as actuações para compensar as regras da Covid. Sempre o mesmo espírito, o mesmo entusiasmo. A não perder de 3 a 26 de Julho.

Le Sado se jette dans l’océan Atlantique près de Setúbal. Des paysages remarquables et un site idéal pour observer les oiseaux, depuis un bateau.

O ramo Espiga. Uma bela tradição que perdura. Símbolo de prosperidade, destinado a celebrar a bela época, o cristianismo fez com que o Espiga coincidisse com a Ascensão.

a tradição do folar de Pàscoa

O Folar é para a Páscoa o que o bolo dos reis é para o Natal. Simboliza o regresso à abundância após o jejum quaresmal, bem como a paz e a reconciliação. Existem dezenas de variedades. Sob a forma de um ninho, o seu aroma a anis e a sua doçura são uma delícia.